Artigos / feminismo / Filipa Bule

Posso?

chegaabuso

Será que posso andar na rua descansada? Não sei, posso?

Posso andar na rua vestida COMO EU QUISER, maquilhada COMO EU QUISER, sem ter meia dúzia de idiotas a mandar uns bitates sobre o meu aspeto físico? Posso?

Posso sair à rua e sentir-me segura, posso?

Posso andar sozinha, sem ter a companhia de um homem, e não ser assediada, olhada como se me estivessem a comer com os olhos, vestida COMO QUERO? Será que posso?

Posso receber um pedido de desculpas quando se metem comigo e vêm que estou acompanhada por um homem, EM VEZ DE PEDIREM DESCULPA AO HOMEM QUANDO EU FUI ASSEDIADA? Posso?

Posso andar de saia, de vestido, de calças, de calções, COM O QUE EU QUISER PORQUE SUPOSTAMENTE SOU LIVRE, posso?

Posso andar na rua sem receber apitadelas, assobios e sem ouvir palavras nojentas, posso?

Posso estar num espaço público NO QUAL TENHO DIREITO A ESTAR sem que me incomodem, posso?

Podem não julgar o meu caráter só porque olharam para mim? Podem?

Posso não ser chamada de “puta” e “vadia” só porque sou mulher, posso?

Posso não ser chamada de porca quando respondo mal ao ser assediada PARA ME DEFENDER, posso?

Posso não ouvir que estou de “TPM” ou “com o período” SÓ PORQUE A MINHA OPINIÃO É DIFERENTE DA VOSSA? Posso?

Posso não ser chamada de histérica quando vejo que alguma coisa está mal? Posso?

Posso ser livre? Ou não posso porque sou mulher?

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s